Copyright R122/R122 Coaching ©2019.

All rights reserved. Todos os direitos reservados.

São Paulo | Alphaville | Guarulhos | Ribeirão Preto | Araraquara

E-mail: contato@r122.com.br

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

Sem dinheiro não dá! Por Grazi Motta Teixeira

30 Mar 2016

Por acaso você já ouviu essa frase antes? Ou melhor, por acaso você já falou essa frase antes?

 

Uma das respostas mais frequentes quando as pessoas são questionadas por não conseguirem atingir esse ou aquele alvo, é não ter dinheiro suficiente para consegui-lo. E de fato quando essas situações são analisadas mais de perto, o cenário pode ser bem limitado.

 

Mas a grande questão se encontra quando paramos para avaliar dois pontos fundamentais: O primeiro é, onde estão o foco dessas pessoas? E o segundo, como normalmente elas administram os recursos financeiros?

 

Há uma pesquisa realizada pela Family Foundations International que diz :

  • 4% da população administram seu dinheiro distribuindo em vários recipientes como: poupar, investir, doar, gastar e outros, e são consideradas como o grupo próspero.

  • Enquanto que 96% administram todo o recurso que recebem em apenas um recipiente, são o grupo que normalmente sempre tem falta de dinheiro.

Mas qual a real diferença entre eles? A grande diferença está no mindset desses dois grupos.

  • Os 4% administram suas finanças com foco na VISÃO e por isso trabalham focados em “COMO USAR” com sabedoria o dinheiro que ganham. E antes mesmo de “gastar” já definiram o que vão fazer baseado na VISÃO (sonhos, objetivos) que querem alcançar.

Para eles os maiores empecilhos do sucesso são a falta de conhecimento e a falta de visão.

  • Os outros 96% administram suas finanças com foco na PROVISÃO. Primeiro gastam para depois pensarem “se sobrar” o que mais podem fazer.

E se você perguntar qual o problema desses 96%, eles dirão que ganham muito pouco e suas despesas são muito altas. E parte desses ainda diz não ter escolha, a não ser apenas “sobreviver”. Para eles o maior empecilho do sucesso é a falta de dinheiro.

 

Agora pense um pouco: O que você aprendeu sobre administração financeira? Suas decisões normalmente se baseiam no quanto você ganha, ou na VISÃO que você tem? Aliás, qual é a sua visão? Onde você quer estar daqui há 5 anos? O quanto você estaria disposto a limitar seus gastos pessoais para alcançar sua visão? Você realmente não tem escolha, ou poderia assumir o protagonismo da sua vida, rever sua gestão,  definir alvos e fazer escolhas que vão te levar aonde você nasceu para chegar? O que te impede de resgatar seu destino e fazer dele tudo aquilo que ele pode ser? Quem poderia te ajudar?

 

Pense também nas próximas gerações. O que você pode fazer por eles: “Se você tem filhos, qual é o seu plano para ensiná-los a administrar o dinheiro deles em vários recipientes?”

 

E por fim, reveja sua maneira de pensar e lidar com o dinheiro. Busque novas maneiras. Busque ideias sábias que vão te levar a avançar.

 

“A sabedoria é a coisa principal; adquire pois a sabedoria, emprega tudo o que possuis na aquisição de entendimento.” Provérbios 4:7

 

Grazi Teixeira

gmotta@r122coaching.com.br

 

 

Please reload

Apresentando a R122

May 1, 2014

1/1
Please reload

Posts recentes

November 9, 2019

Please reload

Busca por Tags