Copyright R122/R122 Coaching ©2019.

All rights reserved. Todos os direitos reservados.

São Paulo | Alphaville | Guarulhos | Ribeirão Preto | Araraquara

E-mail: contato@r122.com.br

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

Qual deve ser a perseverança de um líder? Por Juliana de Lacerda Camargo

31 Jul 2019

Hoje vamos falar sobre perseverança.

 

E antes de falar da perseverança em si, quero dar um passinho para trás e lembrar que aqui na R122 definimos liderança como uma macrocompetência composta por diversas microcompetências , sendo a perseverança uma dessas microcompetências, a qual é essencial a qualquer líder.

 

E, para fins desse texto, perseverança é a capacidade que alguém tem de se manter resiliente, firme e focado, realizando as ações necessárias para atingir determinado resultado mesmo quando as circunstâncias parecem desfavoráveis e os obstáculos se mostram grandes ou numerosos demais.

 

Se você parar para perceber, em geral as pessoas tendem a desistir rapidamente quando um cenário parece muito desfavorável, especialmente se ele perdura por certo tempo. E isso é natural, pois nosso cérebro sempre buscará nos tirar de situações que nos parecem ameaçadoras. Quando uma meta que tenho (ou me é requisitada) não é atingida, ou não se percebe avanço satisfatório a ela, é comum que se tenha a leitura de que aquele caminho não levará ao que se espera, portanto ativando um movimento neurológico de reação pela sobrevivência. E, ainda que o termo ‘sobrevivência’ pareça um pouco exagerado nesse contexto, é assim que o cérebro funciona... sejam ameaças pequenas ou grandes, ele sempre reagirá instintivamente para se livrar delas pelo mesmo motivo – sobrevivência.

 

E é justamente aqui que entra a perseverança, que é uma função intencional e resultado de nossa vontade consciente. Aliás, quando não é assim, existe um grande risco de não estarmos falando de perseverança, e sim de teimosia, já que a teimosia tende a ser também uma reação mais automática do funcionamento de uma pessoa, baseada em valores e crenças muitas vezes inconscientes. Como essa linha é tênue, usar a consciência como indicador para se discernir qual o caso pode ajudar.

 

Mas, por que a perseverança é uma competência essencial para os líderes?

 

Muitas são as histórias inspiradoras de pessoas que se tornaram referência em algo justamente por terem se mantido perseverantes quando muitos outros teriam desistido... e líderes eficazes são referência para que outras pessoas se sintam autorizadas a se manter no curso, mesmo que o caminho pareça incerto.

 

Mas, se estamos considerando a perseverança como um movimento consciente que pode, como qualquer competência, ser desenvolvida... o que pode ajudar nesse desenvolvimento? Algumas coisas podem ser essenciais para isso, e tudo começa numa palavra: clareza. Clareza de objetivo, de visão, propósito, valores... tudo isso pode ser essencial. E tanto esses elementos podem ajudar conjunta, como isoladamente.

 

Se você tem clareza de onde quer chegar, qual a visão dessa linha de chegada, bem como qual a diferença quer ser no mundo, você tem um pacote completo que o fará avançar sob circunstâncias adversas. Mas, se você tem apenas um ou dois desses elementos, já é algo que poderá leva-lo adiante na perseverança, mantendo-o firme naquilo pelo que acredita que vale a pena lutar, ralar, e pelo que vale a pena pagar pedágios por vezes caros.

 

Por isso, se você é um líder e precisa ser perseverante, pare para exercitar esses quatro pontos. E, além disso, é importante considerar que desertos virão pra todo mundo! Circunstâncias desfavoráveis e obstáculos aparentemente intransponíveis também! Isso não acontecerá só com você ou comigo... acontecerá com qualquer pessoa e por isso precisamos estar preparados! Esses elementos – objetivos, visão, propósitos e valores podem ser a resposta que você está buscando!

 

É isso aí.

 

Please reload

Apresentando a R122

May 1, 2014

1/1
Please reload

Posts recentes

November 9, 2019

Please reload

Busca por Tags